Categoria: Agência de Publicidade Legal

O que são notas explicativas na contabilidade?

O que são notas explicativas na contabilidade?

Na contabilidade, as notas explicativas têm como função, principalmente, viabilizar informações para esclarecimento da situação patrimonial. Isto quer dizer que os resultados do exercício de uma conta, transação ou saldo podem alterar uma situação patrimonial com o passar do tempo, porém as notas explicativas possuem informações adicionais às apresentadas no balanço patrimonial.

Continue lendo “O que são notas explicativas na contabilidade?”

Veja e aprenda como calcular o EBITDA

Veja e aprenda como calcular o EBITDA

O termo em inglês “Earning Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization”, EBITDA, é uma sigla que significa: lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização, e auxilia no processo de avaliação de empresas de capital aberto. Com isso, o investidor pode analisar o quanto a companhia em questão está gerando por meio de suas atividades operacionais, sem contar com investimentos, empréstimos e impostos. Continue lendo “Veja e aprenda como calcular o EBITDA”

Por que uma empresa precisa pagar os impostos em dia?

Pagar impostos em dia evita multas e juros por atraso. Acompanhe mais detalhes sobre as obrigações fiscais e veja como a empresa pode fazer publicidade legal pela internet. 

Há boas razões para acreditar que pagar os impostos em dia, mesmo mediante o programa de parcelamento de débitos, seja mais vantajoso. 

Saiba mais: Conheça os principais impostos federais, estaduais e municipais.

Pagar os impostos em dia vale a pena

 

  • O nome permanece limpo

 

Toda empresa deve adotar uma política de controle de inadimplência justamente para evitar fechar negócios com maus pagadores, que possuam histórico de débitos não quitados. 

Tendo isso em mente, fica claro que os fornecedores de crédito darão preferência para quem está com o nome limpo e, para se manter assim, é preciso pagar todos os impostos em dia. 

 

  • Sai mais barato a longo prazo

 

Praticamente todos sabem dessa informação, mas é preciso reafirmar que o pagamento em dia representa um montante inferior ao que será gasto caso o empresário atrase os pagamentos. 

Atrasos nunca são completamente perdoados. Ainda que seja possível conseguir anistia fiscal, sempre haverá juros a quitar (geralmente se baseiam na Taxa Selic), por isso, é importante pensar de forma visionária e encarar o fato de que pagar em dia é mais vantajoso.

 

  • Aumenta o controle da empresa sobre as finanças

 

Existe uma questão muito importante envolvendo as vantagens de pagar impostos dentro do prazo exigido: se trata do controle sobre finanças. 

Pode parecer irrelevante, mas cada conta paga será um problema a menos, e quanto mais compromissos financeiros a empresa tiver que lidar, maior será a dificuldade de enxergar o cenário financeiro com clareza. 

Aliás, não é incomum encontrar empreendedores que se perdem em meio a tantas contas, e isso acaba gerando um ciclo vicioso de contas atrasadas e problemas a serem resolvidos. 

 

  • Facilita o caminho para licitações

 

Para participar de processos licitatórios, a empresa obrigatoriamente precisa apresentar uma certidão negativa de débitos em aberto. Ou seja, para fazer contratos com o governo, é preciso estar em dia com os tributos. 

O que acontece com empresas que atrasam pagamentos

 

  • A empresa terá que pagar multas e juros

 

Quem atrasa o pagamento de contas, invariavelmente, terá que pagar impostos, o que traz diversos prejuízos para a organização. Multas e taxas de juros altas são algumas das consequências disso. 

 

  • Dificuldade para conquistar linhas de créditos 

 

Ao longo de sua jornada no mercado, uma empresa pode se encontrar com a necessidade de conseguir um empréstimo, e ter as contas em dia é fundamental para ser bem aceito pelas instituições financeiras. 

 

  • Dificuldade para participar de licitações públicas

 

O atraso nas contas é muito prejudicial às empresas que desejam participar de processos licitatórios. Um histórico de pagamentos ruins faz com que os órgãos públicos concedam preferência a quem sempre cumpriu com as obrigações fiscais. 

Principais impostos das empresas

Os principais impostos que as empresas devem quitar são: 

  • O Simples Nacional;
  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins);
  • Contribuição Previdenciária Patronal (CPP);
  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI);
  • PIS/Pasep;
  • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL);
  • Imposto Sobre Serviços (ISS);
  • Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ);
  • Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Publicidade legal auxilia empresas que precisam prestar contas à sociedade

A publicidade legal é o meio pelo qual empresas de todos os tamanhos e segmentos conseguem publicar materiais de relevância para toda a sociedade, e o DSI (Diário Serviços) auxilia o empresário no processo de veiculação de conteúdos no Diário Oficial da União, dos Estados e dos Municípios. 

Navegue pelo site para conhecer os serviços oferecidos pelo DSI.

publicidade legal

Aprenda a calcular o ponto de equilíbrio financeiro da sua empresa

O ponto de equilíbrio financeiro surgiu para ajudar empresários a descobrirem em que momento um investimento será suficiente para cobrir os custos fixos e variáveis, gerando lucro. Saiba mais sobre o cálculo e veja como realizar publicidade legal pela internet. 

Saiba mais: O capital de giro para boa administração financeira

O que é o ponto de equilíbrio financeiro

O ponto de equilíbrio financeiro, também chamado de Break Even Point, seria o ponto de equilíbrio financeiro entre as despesas e receitas totais de uma organização dentro de um determinado período. 

Por meio do cálculo do ponto de equilíbrio, é possível projetar o valor do faturamento mínimo mensal que a empresa precisa ter para pagar todas as suas contas e começar a ter lucro. 

Existe uma fórmula dada para calcular o ponto de equilíbrio financeiro. O resultado desse cálculo é que ditará qual a quantidade de vendas a ser feita para que a empresa consiga cumprir todos os seus deveres financeiros e comece a lucrar. 

A importância de calcular o ponto de equilíbrio financeiro de uma empresa

  • Graças ao ponto de equilíbrio financeiro, a empresa consegue ter uma visão clara da saúde financeira do negócio e projetar quais caminhos devem ser adotados para que o negócio fique melhor situado dentro do mercado e gere mais lucro. 
  • O empresário também consegue analisar qual deve ter o faturamento mínimo mensal para que a empresa possa cobrar seus gastos e começar a lucrar. 
  • O ponto de equilíbrio financeiro tem papel muito importante na hora de avaliar a viabilidade financeira do negócio como um todo, assim como de um novo projeto. 
  • O cálculo funciona como um termômetro para mostrar possíveis cenários, de sucesso ou fracasso (da marca ou dos projetos que influenciam diretamente nas finanças). 

Como calcular o ponto de equilíbrio financeiro

A fórmula do cálculo do ponto de equilíbrio é muito intuitiva. Basta somar as despesas fixas e dividi-las pela margem de contribuição, de forma que:

Ponto de Equilíbrio = Despesas Fixas / Margem de Contribuição

O que são despesas fixas

As despesas fixas são aquelas consideradas necessárias para manter o funcionamento da empresa. Aqui estão inclusas contas como água, aluguel, luz, telefone, salários, materiais de escritório, manutenção etc.

O que é margem de contribuição

Para saber a margem de contribuição da empresa, o gestor deve calcular o ganho bruto que obteve com as vendas. Esse indicador serve tanto para encontrar o ponto de equilíbrio quanto para chegar a um preço de venda mais preciso. 

Exemplo de cálculo do ponto de equilíbrio:

Basta somar os custos da produção com as despesas variáveis e dividir esse resultado sobre o valor da margem de contribuição. 

Imagine que uma empresa gasta cerca de 150 mil reais todos os anos só para manter a empresa funcionando, e que a margem de contribuição de seu negócio seja de 30%. 

Nesse caso, o ponto de equilíbrio financeiro seria calculado da seguinte forma:

PEF = 150.000/0,30 = 500.000

No caso, o ponto de equilíbrio financeiro seria de 500 mil reais. Ou seja, a empresa precisaria ter uma receita bruta anual de R$ 500.000, no mínimo, para não ter prejuízo financeiro. Valores acima renderiam lucros e valores abaixo causariam prejuízos. 

Realize publicidade legal da sua empresa pela internet

Para realizar a publicidade legal e publicar materiais de relevância sobre a empresa, conte com auxílio do DSI (Diário Serviços), a plataforma digital que viabiliza a publicação de relatórios, documentos e informativos no Diário Oficial da União, dos Estados e dos Municípios. 

Navegue pelo site para conhecer todos os serviços do DSI.