O que é e qual é o prazo para entregar a RAIS em 2020?

O que é e qual é o prazo para entregar a RAIS em 2020?

A Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) é muito importante para diversas empresas do País. Acompanhe mais sobre o documento e veja como realizar publicidade legal no DOU.

A RAIS é um documento no qual consta uma série de dados empresariais. O Governo criou a Relação em 1975 para ajudar no controle das atividades de empresas do Brasil.

Hoje, a RAIS é uma das principais fontes de informação que o Governo possui para acompanhar o mercado de trabalho brasileiro, e sua entrega anual é obrigatória para diversas empresas.

Saiba mais: As principais diferenças entre contabilidade empresarial e contabilidade pública.

O que é a RAIS

A RAIS foi criada para que o Governo tenha controle das atividades trabalhistas do Brasil, formulando um banco de dados e estatísticas com informações de todo o mercado.

Ou seja, a RAIS nada mais é do que um instrumento de auxílio para Governo, empregador e empregado.

Para que serve a RAIS?

As informações coletadas pela RAIS são usadas em várias conjunturas, como:

  • Controlar os registros do FGTS;
  • Identificar os colaboradores com direito ao abono salarial PIS/PASEP;
  • Legislação da nacionalização do trabalho;
  • Estabelecer o Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS);
  • Sistemas de Arrecadação e de Concessão e Benefícios Previdenciários.

A ferramenta também possibilita a atualização de informações acerca da quantidade de empregos no País, levantando dados, por exemplo:

  • Qual segmento mais cresceu em número de funcionários;
  • Quantos trabalhadores foram demitidos;
  • Quantos trabalhadores pediram demissão;
  • Quantos empregos foram criados;
  • Quais atividades foram criadas.

Quais empresas devem declarar a RAIS

Basicamente, toda pessoa jurídica que tenha CNPJ ativo precisa fazer a Relação, mesmo que não possua empregados. Os principais exemplos são:

  • Conselhos profissionais, com delegações de fiscalização do exercício profissional, tudo elaborado por lei, e as instituições paraestatais;
  • Consórcios de empresas e cartórios extrajudiciais;
  • Empregadores rurais e urbanos;
  • Órgãos da administração direta e indireta dos Governos Federal, Estadual, do Distrito Federal e Municipal;
  • Profissionais liberais e autônomos, contanto que tenham tido empregados no ano-base;
  • Condomínios e sociedades civis.

Exceção: a única exceção para declaração são os Microempreendedores Individuais (MEI) que não possuam empregados, ou seja, os MEIs que precisam declarar a RAIS são apenas aqueles que têm empregados.

Datas para declaração da RAIS 2020

O cronograma de declaração da RAIS 2020 é extenso e foi publicado no Diário Oficial. Conforme o que consta no texto, as empresas deverão realizar a RAIS de acordo com os grupos:

Grupo 1 – Empresas com faturamento acima de R$ 78 milhões (em 2016):

Eventos de tabela, não periódicos e periódicos – já implementados.

  • 08/09/2020 – Eventos S-2210, S-2220 e S-2240 referentes à Saúde e Segurança do Trabalhador – SST.

Grupo 2 – Empresas com faturamento abaixo de R$ 78 milhões, que não sejam optantes ao Simples Nacional:

Eventos de tabela, não periódicos e periódicos – já implantados.

  • 08/01/2021 – Eventos S-2210, S-2220 e S-2240 relativos à Saúde e Segurança do Trabalhador – SST.

Grupo 3 – ME e EPP participantes do Simples Nacional, MEI, empregador pessoa física (não aplicado a domésticos), instituições sem fins lucrativos:

Eventos de tabela e não periódicos – já implementados.

Eventos periódicos S-1200 a S-1299:

  • 08/09/2020 – CNPJ básico com final 0, 1, 2 ou 3;
  • 08/10/2020 – CNPJ básico com final 4, 5, 6 ou 7;
  • 09/11/2020 – CNPJ básico com final 8, 9 e pessoas físicas;
  • 08/07/2021 – Eventos S-2210, S-2220 e S-2240 referentes à Saúde e Segurança do Trabalhador – SST.

Grupo 4 – Entidades públicas de nível federal e as instituições internacionais:

  • 08/09/2020 – Eventos de tabela S-1000 a S-1070, do leiaute do eSocial, com exceção do evento S-1010;
  • 09/11/2020 – Eventos não periódicos S-2190 a S-2420;
  • 08/03/2021 – Evento de tabela S-1010;
  • 10/05/2021 – Eventos periódicos S-1200 a S-1299;
  • 10/01/2022 – Eventos S-2210, S-2220 e S-2240 referentes à Saúde e Segurança do Trabalhador – SST.

Grupo 5 – Entidades públicas de nível estadual e o Distrito Federal:

Eventos de tabela, não periódicos e periódicos – cronograma ainda será estabelecido.

  • 08/07/2022 – Eventos S-2210, S-2220 e S-2240 referentes à Saúde e Segurança do Trabalhador – SST.

Grupo 6 – Entidades públicas de âmbito municipal, as comissões polinacionais e os consórcios públicos:

Eventos de tabela, não periódicos e periódicos – cronograma ainda será estabelecido.

  • 09/01/2023 – Eventos S-2210, S-2220 e S-2240 relativos à Saúde e Segurança do Trabalhador – SST.

DSI oferece serviços de publicidade legal de forma prática e pela internet

O Diário Serviços (DSI) é um portal online pelo qual pessoas físicas e jurídicas podem realizar publicidade legal de forma prática e guiada pela equipe de profissionais especializados do site. Ao navegar pelo DSI, é possível conhecer todos os serviços oferecidos e saber como publicar documentos, declarações e outros materiais de relevância no DOU.

Veja mais: Ativo CirculanteTipos de contrato de trabalhoPartidas Dobradas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *