A importância da estrutura de capital

Agência de publicidade legal

Saiba o que é estrutura de capital e qual sua importância. Veja também como publicar ou acessar conteúdos no DOU por meio do portal Diário Serviços.

A estrutura de capital de uma empresa é um dos temas mais complexos da tomada de decisões financeiras, pois interage diretamente com diversas variáveis de decisão em finanças, como a possibilidade de aumentar a qualidade de um produto para vender e fazer cliente voltar, por exemplo.

Confira mais detalhes:

O que é a estrutura de capital

Estrutura de capital nada mais é que a combinação do capital próprio com um montante de recursos de terceiros, sendo ambos utilizados em uma determinada atividade a fim de financiar os ativos de uma empresa.

Assim sendo, com o passar do tempo, o montante envolvido sofre alterações mediante o aumento ou a diminuição da participação do capital, próprio ou de terceiros, dentro da estrutura da organização.

  •  Capital próprio

Capital próprio nada mais é que as ações ordinárias, ou seja, que dão direito ao voto, sendo composto tanto pelo capital social quanto pelos lucros retidos (basicamente o patrimônio líquido subtraindo as ações preferenciais).

  • Capital de terceiros

O capital de terceiros pode ser entendido como as dívidas (emissão de títulos e bancárias) e ações preferenciais (que apesar de ações, contam com comportamento bem mais parecido ao das dívidas, uma vez que é preciso entregar parte dos resultados a elas).

Importância da estrutura de capital para a empresa

A estrutura de capital de uma empresa exerce influência no custo de capital e também no seu valor, por isso é um tema de extrema importância.

Na tomada de decisões, atitudes ruins sobre a estrutura de capital podem significar um custo alto de capital da empresa, o que consequentemente leva a uma queda do Valor Presente Líquido (VPL) dos investimentos,

descredibilizando projetos de investimentos e diminuindo o valor da empresa no geral.

Entretanto, boas atitudes, definidas durante a tomada de decisões, acerca da estrutura de capital podem diminuir o custo de capital, levando a um maior Valor Presente Líquido e projetos mais viáveis.

Como consequência, quanto maior o número de projetos aceitáveis, maior o valor da empresa para seus acionistas.

Geralmente a empresa opta pela participação de terceiros em sua estrutura por se tratar de uma maneira mais “econômica” de dívida do que as linhas de crédito oferecidas em bancos de instituições financeiras, parecendo ser uma ótima alternativa para a organização.

Entretanto, quanto maior a suscetibilidade ao capital de terceiros, maior será a chance de riscos às operações, justamente por conta da instabilidade nesse tipo de participação, o que desvaloriza a vantagem de custos.

Existem outro risco intrínseco à estrutura de capital da empresa: a inadimplência.

Esse risco é uma consequência da quebra de confiança entre o vendedor e o comprador, sendo que o último deixou de cumprir com suas devidas obrigações.

Saiba mais: POR QUE O ORÇAMENTO DE CAPITAL É IMPORTANTE PARA AS EMPRESAS?

Comunique acionistas e colaboradores da empresa no DOU por meio do Diário Serviços

Pelo portal Diário Serviços é possível publicar materiais de interesse dos acionistas e outros colaboradores da organização nos veículos de comunicação legais, como Diário Oficial da União, dos Estados e dos Municípios.

Navegue pelo site e tire suas dúvidas sobre publicação no DOU.

Veja mais: Publicidade legal | O que é razoneteO que é balancete | Publicidade Legal | Obrigações acessórias | O que é razonete

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *